A

América Latina é aqui tematizada (“revisitada”) enquanto solo comum de povos e culturas de uma mesma raiz histórica, a clamar pela libertação do jugo colonial secular. Mas a “revolução” aludida não é mais aquela do tradicional apelo à violência – que conduz a novas injustiças –, conquanto a da fraternidade universal, de inspiração evangélica e âncora de unidade, a ser enraizada no coração dos homens como valor supremo e verdadeira “arma” de libertação.

Latino AméricaEdilberto Barreiros
00:00 / 03:44
Logo Latino América.jpg

Música: Emanuel Matos

Letra: Emanuel Matos/Heleno de Oliveira